To top
24 jul

Ervas com propriedades medicinais

Ervas com propriedades medicinais

Ervas com propriedades medicinais

 

Ervas medicinais também podem ser comestíveis – e, em alguns lugares do mundo, chegam até a ser protagonistas na refeição. Exemplo? A urtiga que afasta e coça em boa parte do Brasil é estrela de sopas na Região Sul do país, faz bem para a circulação, é rica em vitamina C e substitui com dignidade o espinafre nas regiões montanhosas de Portugal – o chef português Vitor Sobral, dono da Tasca da Esquina, em São Paulo, usa urtiga na receita do esparregado servido no restaurante lisboeta de mesmo nome.

Com sabores fortes e pungentes, as ervas aromáticas foram sendo domesticadas para uso caseiro. Cultivadas em hortas domésticas e terreiros para servir como remédio, logo viraram infusões, temperos e especiarias. Por suas propriedades medicinais ainda não serem totalmente conhecidas, é preciso ter algum cuidado ao mexer nesse bosque selvagem. Conheça algumas plantas e seus usos.

1 BOLDO-DO-CHILE • Essa espécie de boldo (Peumus boldus Molina) é empregada principalmente na forma de chá. Ajuda a combater problemas digestivos e hepáticos.

2 SÁLVIA • Aromática, a Salvia officinalis dá sabor a molhos e carnes e também pode ser frita. Levemente picante, “é um excelente antisséptico bucal”, diz a pesquisadora Maria das Graças Brandão, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

3 ERVA-DE-SANTA-MARIA • Também chamada de mastruz, a Chenopodium ambrosioides é um inseticida natural e vermífugo. O sabor lembra mostarda; o aroma é de hortelã. Na cozinha, a dica de Antonia Padvaiskas, dona do Empório Poitara, que revende ervas e frutas amazônicas em São Paulo, é acrescentá-la à gemada. A nutricionista Neide Rigo, do blog Come-se, recomenda usá-la em sopa de feijão.

4 GUACO • Empregado contra bronquite, o guaco (Mikania glomerata e Mikania laevigata) deve ser evitado por pessoas que fazem uso de anticoagulantes. Segundo Antonia, a planta pode incrementar caipirinhas.

5 BABOSA • A Aloe vera hidrata a pele e ajuda a combater a queda de cabelo. O suco de babosa é sucesso no Japão, mas, no Brasil, alimentos e bebidas à base da planta são proibidos pela Anvisa – faltam estudos que comprovem sua eficácia.

6 CARQUEJA • Bom para gastrite, o chá de carqueja (Baccharis trimera) também é tido como emagrecedor. Com ressalvas: de acordo com a pesquisadora Maria das Graças, a carqueja pode causar danos ao fígado. Na culinária, a planta, de gosto amargo, vai bem com arroz.

 

Fonte matéria CasaeComida

Luciana Zanandrea

Luciana Zanandrea Pedrili, nascida em Ribeirão Preto. Apaixonada por fotografia, moda e beleza. Vivendo intensamente, sempre estudando e buscando a cada dia por mais assuntos relacionados ao universo feminino. Tudo isso para transmitir o melhor conteúdo aos leitores deste blog.

No Comments

Leave a reply