To top
7 jan

Aprenda a pular corda e queime até 100 calorias

Olá Meninas !!!

 

 

Já dizia uma música do Trem da Alegria que pular corda faz bem á saúde e movimenta o corpo. E eles tinham toda a razão pois pular corda é considerado muito mais que uma simples brincadeira, é considerada uma das atividades aeróbicas mais completas e eficientes para torrar gordurinhas, turbinar coxas, panturrilhas, bumbum, ombros e abdômen . Isso porque pular corda queima mais energia do que caminhar, pedalar ou correr, uma vez que exige um esforço corporal bem maior. Com apenas 10 minutinhos de pulos são gastas em média 100 calorias, o equivalente a meia hora de esteira. Em 1 mês já dá para notar a diferença.   E aí ficou com vontade? Eu já estou praticando a 1 semana e estou adorando. Me segue também no Instagram @omundodapenelope , pois todos os dias temvárias dicas sobre alimentação, exercícios, receitas e muito mais…. Mas se você já faz alguma atividade física, tem alguma dica ou receita legal marque suas fotos com a #projetovidasaudavel e me ajude a incentivar mais e mais pessoas a conquistarem um estilo de vida mais saudável.

 

Bju Bju

 

 

 

 

 

 

Aquecimento

Nível: iniciante

De pé, pernas paralelas e alinhadas com o tronco e braços estendidos ao lado do corpo, segurando as duas extremidades da corda com a mão direita. Gire o braço direito para a frente, fazendo a rotação dos ombros, e salte cada vez que a corda tocar o chão. Flexione os joelhos para amortecer o impacto. No final da série, inverta o braço.

Realize 3 séries de 20 saltos para cada lado.

 

 

 

Pulo unilateral

Nível: iniciante

De pé, perna direita alinhada com o tronco, a esquerda um pouco à frente e braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés e faça a rotação dos ombros para a frente, passando-a por cima da cabeça. Quando a corda tocar o chão salte, passando primeiro a perna esquerda e depois a direita. No final da série, inverta a perna.

Faça 3 séries de 30 saltos para cada lado.

 

 

 

Pulo tradicional

Nível: iniciante

De pé, pernas paralelas e alinhadas com o tronco e braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés, faça a rotação dos ombros para a frente, passando a corda por cima da cabeça, e salte com os dois pés juntos, quando ela tocar o chão. Dica: para facilitar, divida o exercício em três pulinhos. O primeiro corresponde à transposição da corda e os outros dois, ao tempo de retorno e de preparação.

Execute 3 séries de 30 saltos.

 

 

 

 

 

Pulo de boxeador

Nível: intermediário

De pé, pernas paralelas e alinhadas com o tronco e braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés e faça a rotação acelerada dos ombros para a frente, passando-a por cima da cabeça. Quando a corda tocar o chão, pule rapidamente com os dois pés ao mesmo tempo. Lembre-se: neste exercício não existem os pulinhos intermediários de contagem. Então, intensifique o giro da corda e salte rapidinho!

Pratique 3 séries de 3 minutos com o máximo de saltos que você conseguir.

 

 

 

Pulo de boxeador cruzado

Nível: intermediário

De pé, pernas paralelas e alinhadas com o tronco e braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés e faça a rotação dos ombros para a frente, passando-a por cima da cabeça. Quando a corda ultrapassar a linha dos olhos, cruze os braços, direcionando as mãos para a cintura, e salte assim que ela tocar o chão. A corda ficará cruzada, o que exige maior habilidade e esforço durante o pulo. Intercale 2 saltos de boxeador tradicional para cada cruzado.

Efetue 3 séries de 3 minutos com o máximo de saltos que você conseguir.

 

 

 

Pulo com um pé só

Nível: intermediário

De pé, perna direita alinhada com o tronco, a esquerda semi flexionada e elevada à frente e os braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés, faça a rotação dos ombros para a frente, passando a corda por cima da cabeça, e pule somente com a perna direita, assim que ela tocar o chão. O desafio é manter o equilíbrio e ir, aos pouquinhos, aumentando a velocidade dos saltos. Para não cansar, alterne a perna de apoio a cada quatro pulos.

Realize 3 séries de 3 minutos como máximo de saltos que você conseguir.

 

 

 

 

 

 

Duplo giro em um salto

Nível: avançado

De pé, pernas paralelas e alinhadas com o tronco e braços estendidos ao lado do corpo, segurando cada extremidade da corda com uma das mãos. Posicione a corda atrás dos pés e faça a rotação dos ombros, passando-a por cima da cabeça. Quando a corda tocar o chão, pule rapidamente com os dois pés ao mesmo tempo. Conte 11 saltos de boxeador e no 12º dê um pulo maior (grupado), elevando mais os joelhos e batendo a corda duas vezes no chão antes dos pés voltarem ao solo.

Faça 3 séries de 3 minutos com o máximo de saltos que você conseguir.

 

Fonte Imagem e Passo a Passo exercícios site Revista CorpoaCorpo

Luciana Zanandrea

Luciana Zanandrea Pedrili, nascida em Ribeirão Preto. Apaixonada por fotografia, moda e beleza. Vivendo intensamente, sempre estudando e buscando a cada dia por mais assuntos relacionados ao universo feminino. Tudo isso para transmitir o melhor conteúdo aos leitores deste blog.

No Comments

Leave a reply